terça-feira, novembro 25, 2008

Curso de Administração de Sistemas UNIX DAY3

Copia dos Apontamentos tirados no Curso Do INA de Administração de Sistemas
cpio

fazer backups

cpio -ov [enter] /* fica à espera que seja digitados os ficheiros que queremos fazer backup

echo /etc/inittab | cpio -ov > /tmp/b1.tar

find /etc -print | cpio -ov > /tmp/b1.tar

cpio -it < /tmp/b1.tar 2> dev/null /*o output vai para o ecrã e as mensagens de erro vão para o ecrã (2> significa que a linha dois da tabela de saída do UNIX é redireccionada)



Recuperar

cpio -ivd /home/peste/a < /tmp/b1.tar /*recupera só a directoria peste/a

cpio -ivd < /tmp/b1.tar /*recupera tudo o que está dentro do ficheiro




dd

dd if=/etc/inittab of=init1 /*if=input file of=output file

dd if=/etc/inittab of=init2 conv=ucase /*conversão para uppercase

dd if=/etc/inittab of=init2 conv=lcase /*conversão para lowercase

dd if=/dev/sda of=/dev/mnt0 /*copia todo o disco sda (bit a bit)


********************************************************
O objectivo aqui é copiar um conjunto de ficheiros e directórios e repô-los noutra directoria exactamente com os mesmos atributos (inclusivamente o owner, coisa que não acontece se o copiar apenas)



tar -cf - . | tar -xvf - -C /home/pesta /*faz o tar para o std input(-) de todos os fcheiros (.) existentes na pasta onde estou;o resultado é piped (|) para a extracção (tar -xv) para o std input(/) com a opção -C /home/pesta(adiciona este caminho a cada entrada que )




Para ver um ficheiro:
more [nome do ficheiro]


******************************************************************************
DAEMONs

daemon = TSR (terminate and stay resident)

São os processos do sistema (grande maioria iniciados pelo init)

syncd - escreve os buffers para o disco
qdaemon - faz a gestão das listas de espera (impressora)
inetd - superdaemon que é responsável por abrir (por em execução) tantos daemons da internet quantos os necessários (ftpd, telnetd)
ficheiro de configuração - /etc/inetd.conf


lpd - se estiver activo, a máquina é servidor de impressora (esta máquina partilha a impressora)
syslogd -
rwhod - disponibiliza informações sobre outros servidores (por exemplo a que horas se ligaram todos os users da rede onde estamos)
named - em serviço se formos servidores de DNS
nslookup
gated - serviço de gestão de tabelas de routing - cria as tabelas de routing automaticamente
sendmail - servidor de mail
(x)ntp - sincronização de relógios entre sistemas

ftp
kill -1 xxxx /*recarrega o ficheiro de configuração do processo xxxx (fazer ps -x para saber os números dos processos)(fazer kill -l para uma lista de possibilidades com o kill)

ps -ef | grep syslog /*lista o processo syslog se estiver activo
ps -ef | grep syslog | grep -v grep /* como o grep também está ligado ao syslog devido `nossa linha de comandos, também aparece. se quisermos, podemos não mostrar o grep desta maneira.





*****************************
para imprimir:
lp ou lpr


para fazer chat:
talk (ou write) root@IP

talk aluno@192.168.201.19

client server
telnet telnetd /*d de daemon
ftp ftpd


para montar um CD:
mount -o ro -t iso9660 /dev/cdrom /tmp


ps -x /*para ver os processos que estão em funcionamento
kill -l /*para listar todas as possibilidades do kill

who -r /*diz-nos em que nível estamos
runlevel faz o mesmo


init 2 /*arranca em modo texto
init 5 /*arranca em modo gráfico



inittab

chkconfig --list | more /*lista todas asconfigurações de serviços para todos os modosde arranque
chkconfig --level 2345 httpd on /*altera o modo 2,3,4 e 5 para arrancar com o serviço httpd
chkconfig --list httpd /* lista a configuração do serviço httpd

Como arrancar com um serviço?
cd etc/init.d
ls /*agora estão listados todos os ficheiros de configuração de serviços
./httpd start /*arranca o serviço se se estiver na directoruia init.d
./httpd stop /*pára o serviço
./httpd status /*status do serviço

service httpd start /*arranca o serviço se se estiver noutra directoria que não a init.d
service httpd restart /*rearranca o serviço

find rc.d -name '*http*' /*procura da directoria rc.d quais os ficheiros que têm http no nome

para saber o nome do computador (hostname):
cd /etc
hostname

para mudar o hostname:
cd /etc/sysconfig
vi network /*alterar o hostname e gravar
service network restart
hostname arper


history /*é um ficheiro que grava apenas os comandos entrados no Terminal
script /*começa a gravação de tudo o que se faz no terminal(CTRL+D para terminar) num ficheiro chamado typescript existente na directoria do user

Pôr o sistema em single user mode:
init 1 /*a partir deste momento temois a certeza de que estou em single user

init 6 - shutdown feito de maneira incorrecta: não avisa os utilizadores que o sistema vai ser desligado e não desliga as aplicações que não sejam do sistema.
Shutdown - shutdown feito de maneira correcta

shutdown /* pára com amáquina ao fim de 1 minuto
shutdown -r/* faz o restart
shutdown -r +5 /*faz o restart daqui a 5 minutos
shutdown -t data
shutdown -Fr /*faz shutdown e restart mas não avisa ninguém


Mudar o prompt:
PS1="C:> "

Se se criar o ficheiro /etc/nologin com um mensagem lá dentro, qualquer user que saia, recebe a mensagem que está dentro do ficheiro e já não consegue entrar












*************
webmin
para entrar https://127.0.0.1:10000

Sem comentários:

LinkWithin

Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin